São Paulo Companhia de Dança inicia temporada anual de turnês pela Europa

Patricia Marrese, 17 de fevereiro de 2020

São Paulo Companhia de Dança
São Paulo Companhia de Dança. Crédito imagem: Wilian Aguiar

A São Paulo Companhia de Dança, corpo artístico da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo do Estado de São Paulo, gerida pela Associação Pró-Dança e dirigida por Inês Bogéa, dá início às suas turnês internacionais anuais com um clássico: O Sonho de Dom Quixote, criado por Márcia Haydée para a Companhia. A obra estreia na Suíça, na cidade de Winterthur, nos dias 20 a 23 de fevereiro, no palco do Theater Winterthur.

O balé – um dos mais populares em todo o mundo – conta duas histórias em paralelo: as aventuras do sonhador visionário Dom Quixote, que se dispõe a combater “o erro, o falso e o mal de mil semblantes” e a encontrar sua dama perfeita Dulcinéia; e o amor quase impossível de Kitri e Basílio, uma vez que ela estava prometida por seu pai a Gamache, um rico comerciante.

A versão especial de Márcia Haydée para a São Paulo Companhia de Dança mantém alguns momentos reconhecíveis desta obra – criada originalmente por Marius Petipa (1818-1910) em 1869 e inspirada em um capítulo da obra de Miguel de Cervantes (1547-1616) com música composta por Ludwig Minkus (1826-1917) – ao mesmo tempo em que as atualiza com cenografia de Hélio Eichbauer e desenhos de Candido Portinari (1903-1962), figurinos
de Tânia Agra, luz de José Luiz Fiorruccio, composições de Norberto Macedo (1939-2011) e poemas de Carlos Drummond de Andrade (1902-1987).

A apresentação da SPCD na Suíça contará com acompanhamento musical da Orchester Musikkollegium Winterthur, com direção musical de Christoph Gedschold. “Desde 2011, a São Paulo Companhia de Dança realiza turnês pela Europa com custos totalmente cobertos por teatros e produtores internacionais. Isso é importante porque é um reconhecimento do trabalho da Companhia. Além da Suíça, também teremos apresentações na França, Inglaterra, Escócia, Alemanha e Itália ao longo de 2020”, comenta Inês Bogéa, diretora artística da Companhia.

Por Patrícia Marrese

Categorias: Uncategorized

Tags: , , , , , , , ,

Patrícia Marrese

Patrícia Marrese é formada em Relações Públicas pela FAAP e em ballet clássico pelo Ballet Paula Castro. É mestre em Comunicação e Cultura pela Université Côte d’Azur, na França. Atualmente, está à frente da Marrese Assessoria, Comunicação para Dança.

2 comentários

Marcio disse:

S-E-N-S-A-C-I-O-N-A-L. !! Parabéns, adorei ! ! ! 👏👏👏👏👏

Obrigada, querido Marcio!

Envie seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimos artigos

São Paulo Companhia de Dança

São Paulo Companhia de Dança faz últimas apresentações do ano na capital paulista acompanhada pela Orquestra do Theatro São Pedro

Patricia Marrese, 7 de dezembro de 2020

A São Paulo Companhia de Dança realiza apresentações entre os dias 10 e 13 de dezembro no Theatro São Pedro.

Leia mais
Degas

MASP abre exposição Degas com 76 obras do artista francês

Patricia Marrese, 29 de novembro de 2020

O Museu de Arte de São Paulo (MASP) inaugura, no dia 04 de dezembro, a exposição Degas. No total, serão expostas 76 obras.

Leia mais
São Paulo Companhia de Dança

São Paulo Companhia de Dança aposta em leveza em reencontro com o público no Teatro Alfa

Patricia Marrese, 19 de novembro de 2020

A São Paulo Companhia de Dança, com direção artística e executiva de Inês Bogéa, sobe ao palco para duas apresentações no Teatro Alfa.

Leia mais